segunda-feira, 21 de julho de 2014

VAMOS SONHAR



VAMOS SONHAR

Conosco há sempre uma força invisível um anjo que nos orienta, nos impele constantemente para frente*

Tagore


Não me procures

É só um momento

Eu só me perco

No espaço e no tempo

Acalentada pelo lume de Deus

Com a minha pele multicores

Eu danço giro em meio às flores

Emitem ondas de luz o corpo meu


Acima das nuvens

Além das tormentas

Sempre sinto a estranha

Necessidade de sonhar


Leva-me ao Paraíso

No meio das árvores

Aqui não há espinhos

Nas flores e nas rosas


Lá frutas impenetráveis

Tapetes verdinhos


Esse canto de Paraíso existe

Eu tenho certeza


@ Renata Cordeiro