sábado, 5 de dezembro de 2009

PORQUE TE AMO




PORQUE TE AMO





Eu te amo porque sim



Eu te amo por te ver



Porque te sinto em mim



Quando o mar beija a areia



A areia se sente amada



Cada vez que me olhas



Parece que me tocas



Eu me sinto adorada



Queria estar ao teu lado,



Poder olhar-te nos olhos,



Poder chegar ao teu coração,



Mas acima de tudo poder dizer-te,



Baixinho, no teu ouvido:



Querido, eu te amo!



Tu és a minha fonte



Em que vou beber água



Em que mato a sede



Em que os meus desejos



Se transformam em realidade



Em que tudo o que é belo



É consentido



E o que eu sinto



Vivido com intensidade



Eu te amo por seres quem és



Eu te amo por te ver



Pela chama ardente dos teus olhos



Eu te amo porque te sinto em mim



Simplesmente porque sim

19 comentários:

prosasdeoutono disse...

Olá Renata, Meus Parabéns pelo teu blog, com muita cor, muita vida. Gostei muito


Beijos
Alex

Vivian disse...

...amar por amar somente
este é o maior presente.

amor não pode ser moeda
de troca, senão vira
comércio, e onde tem
comércio não pode caber
amor.

beijos, lindeza!

Majoli disse...

Eu também amo assim, simplesmente amo, sem maiores explicações.

Hoje eu estou com muitas saudades, triste.

Amo essa melodia, tens um excelente gosto musical.
beijos no teu ♥

prosasdeoutono disse...

Olá,

só para agradecer tua visita e que me esqueci de dizer que seguirei teu blog

Beijos
ALex

Daniel Costa disse...

Renata

Estou a gostar extrordinariamente desta tua fase literária. Como sabes sempre adorei, mas talvez o aprecimento desta traduza mais a minha maneira de sentir. De qualquer modo, é facto que não sabes sabes escrever mal, enquanto tens uma sensibilidade fora do comum e o saber muito bem conduzir o blog.
Beijos
Daniel

Sonhadora disse...

Renata
Belo poema.
transpira amor por todos os poros...amei.
beijinhos
Sonhadora

Tentativas Poemáticas disse...

Querida amiga Renata

Venho desejar-lhe os melhores votos de SANTO NATAL e um óptimo 2010, sobretudo com aquilo que sempre considerei mais importante: a SAÚDE.
Beijinhos com ternura


António Pais

--
http://antoniopais1.blogspot.com
http://contosdaguerracolonial.blogspot.com

Celina disse...

Oi Renata,agradeço suas palavras de incentivo!Seu Blog é LINDO!!Cheio de cor,luz e vida!Parabéns!
Celina

Mågø Mër£Îm disse...

não precisa um porque para amar... amar é apenas sentir, ser, estar...

beijo

Luciana disse...

Oi Rê

Tudo bem contigo?

Que lindo poema cheio de amor

Um excelente sabado pra ti


Bjs

Lu

BANDEIRAS disse...

Oi Rê,
Desculpe a ausencia, sabe como é...final de ano, muito trabalho, pasei aqui rapidamente por coincidencia vc me escreve.


Bjs

Jacarée disse...

Lindo POEMA, lindo AMOR!

Grato pela visita e carinho lá deixado.

Bj.


Jacarée

Emerson Souza disse...

Que bom isso.
Bjus.

Bandys disse...

Rê,

Amar é tudo de bom.
Cheguei de viagem cansada e passei só pra te dar boa noite.

Beijos amanhã eu volto com calma!

Lídia Amorim disse...

Fez-me lembrar Clã... Só para dizer que te amo, nem sempre encontro o melhor modo, nem sempre escolho o melhor termo... Devia ser como no cinema, a lingua inglesa fica sempre bem e não atraiçoa ninguém... o teu mundo está tão perto do meu... ah boa música!

E belo poema...

bjitux

Cadinho RoCo disse...

O amor não exige explicação, nem justificativa e nem nada que ofereça ao menos sinal de cobrança a ele.
Cadinho RoCo

Marta disse...

Um belo poema de amor....
Porque não há explicações...
Amar plenamente como dizia certo poema é a chave de tudo...
Obrigada pela partilha..
Beijos e abraços
Marta

mixtu disse...

abrazo serrano y europeo...

mixtu disse...

te amo...
porque não é explicável
porque não sinto
não respiro
suspenso...

amar...

ser

sentir

ser

andar

amor

odio

ciume

posse

casar

ser

liberdade

amo...

para desamar

e voltar a amar

inconstante...

amor...

que move montanhas

seres

sentires

aromas...

como será o aroma do amor?

....