quarta-feira, 20 de outubro de 2010

DEPOIS DE TANTAS...


DEPOIS DE TANTAS...




Depois de tantas andanças e ciganice,

enraizei-me em ti,
com desejos desconhecidos.

Sou uma incorrigível poeta 
e dou evasão aos sonhos.

A tua fisionomia está definitivamente nos meus pensamentos 
e nas visões da noite.

Vivo buscando e inventando imagens de nós dois,

tentando sossegar as minhas mãos

ansiosas pelo toque da tua pele ,

querendo beijar mansamente o teu lindo par de olhos,

o teu sorriso criança,
nos lábios de sabor inconfundível que me enloquecem.

 In.quieta.

@ Renata Cordeiro








24 comentários:

Isa disse...

Quanto amor,desejo,encantamento!
Beijo.
isa.

SolBarreto disse...

Parece ser um otimo lugar para criar raizes...ainda mais com desejos desconhecidos...
Gostei disso rsrs
Interessante esse final "in.quieta"
Você encaixa perfeitamente Texto, imagem e musica...adoro isso!

mARa disse...

Menina Re!

Sempre bom ler-te, uma suavidade envolta de amorosidade, e fica tudo perfeito e resta um surpiro profundo, e levar as letras no pensamento.

bjo!

Paz e Luz!

Maria Rita disse...

É mergulhando nestas "vontades" que inspiramos nossas poesias.

Que seu dia seja doce!

Beijos pra Ti

Fernando Santos (Chana) disse...

Olá Renata, belo texto...Espectacular....
Cumprimentos

Jortas disse...

Gostei Re, do teu comentário e de ler este lindo poema.
"enraizei-me em ti, com desejos desconhecidos."

(CARLOS - MENINO BEIJA - FLOR) disse...

Enraizou-se np amor. Que lindo e que bom. Beijos

Sonhadora disse...

Minha querida
Sensualidade à flor da pele, adorei.
A musica linda.

Deixo o meu carinho e um beijinho
Sonhadora

José disse...

"Enraizei-me em ti",e cresci, tanto tanto, que cheguei até ai, agora quero voltar, mas fico com vontade de ficar, mais um pouco, e sabe tão bem estar aqui.

Estás inspirada menina,lindo o teu poema.

Boa noite, um beijinho doce para ti, com carinho,
José

prosasdeoutono disse...

Amiga Renata,

O desejo, a procura, a paixão...
Tudo o que nos faz sentir bem.

Beijinhos
Alex

Nilson Barcelli disse...

Renata, gostei imenso do teu poema de amor.
Bom resto de semana, querida amiga.
Um beijo.

Por toda minha Vida disse...

Passando para deixar um beijo, e agradecer o carinho, estaremos sempre juntas tenha certeza, não se preocupe com visitas eu sei que você é MIL.

Beijo

Renata e Renata.

RENATA MARIA PARREIRA CORDEIRO disse...

Oiê, Renata! Com visitas eu não me preocupo mesmo, tampouco com postagens, porque não penso em re.novar tão cedo. Fiquei comovida com o seu comment, que me cita, no Blog do Ricardo. Quis mostrar o quanto gosto de ti. És um Anjo.
Beijinhos,
Renata

Vivian disse...

...gosto quando você solta
as rédeas e sai a poemar
por ai!

bj, linda!

O gerente disse...

o poder da fisionomia vai alem de simples explicações. Hora acalma, hora agita, hora seduz e hora simplesmente não se revela. Beijos Re!!

Luciana disse...

Oi Rê

Como tu está amiga?

Bjs e lindo texto

Lau Milesi disse...

Bom Dia, Renata, cheguei até aqui conduzida pelo poeta Everson, que lindamente poetiza o brilho da Lua. Gostei muito, pois vi que ele tem razão. O brilho aqui tanbém é grande e seu talento, idem. Sem contar a sensibilidade e a feminilidade, que devem sempre andar lado a lado com as mulheres, não é Renata? Belíssimo, seu poema. Todas nós seguimos ciganamente e sempre, sempre "In quietas".:)

Um beijo e parabéns pelo seu blog também. Muito lindo.

Everson Russo disse...

Depois de tantas andanças, parei pra cultuar a vida e o amor...beijos de bom dia pra ti querida.

so sad disse...

deveria ser obrigatorio um amor assim na vida de toda mulher!
beijo!

Lau Milesi disse...

Re(posso te chamar assim?) cometi uma tremenda gafe. Como pode uma pessoa entrar na casa de alguém e esconder o rosto, não é? [rs] Postei o comentário e não deixei minhas "impressões faciais". Mas explico: estava no trabalho, com pouco tempo, e sua lista de seguidores não abria de jeito e maneira. Desisti e pensei em voltar mais tarde. . Eu voltaria mesmo sem a visita linda e amável que você me fez, e eu adorei.:) Lindo, o poema, obrigada.

Beijosss :)

OutrosEncantos disse...

... pois é, depois de tantas andanças
lá vim eu aqui parar também...
o teu poema é lindissimo e forte, e as asas existem para voar...
beijo, Renata

RENATA MARIA PARREIRA CORDEIRO disse...

Oiê, Lau amiga:)))
Não cometeste gafe alguma. Aliás, sabias que adoro pessoas amorosas e bem-humoradas? Este é o tempero da vida.
Estou contigo como posso, sempre. Não prometo ir sempre até ti, e, se me permites, não vou explicar.
Neste exato instante, estou numa lanhouse, de pernas para o ar:)))
Beijinhos



Oiê, amiga! Vieste trazer o encanto dos seus cantos. Boas-vindas!
Beijo, querida

Machado de Carlos disse...

Um beijo também, minha Poetisa. Às vezes a correria nos faz bem. Mantém-nos ocupados. E nossa mente funciona mais rapidamente.
Eu também não me esqueço de Você!
É uma alegria tê-la sempre presente!
Obrigado!
Beijos!...

Recebi um recado nesta tela;
Vi um vai-vem de cores no lustre!...
Sonhei com os mares dum ilustre
Ao ler um poema somente pra ela!

Machado de Carlos

wcastanheira disse...

Uma postagem romantica, deixa-nos viajar para o sonho, uma beleza de postagem, como sempre vc esteve iluminada, pra vc minha linda bjos, bjos e bjossssssssssss