sexta-feira, 29 de outubro de 2010

A ROSA DO TEU CORAÇÃO




A ROSA DO TEU CORAÇÃO

Image and video hosting by TinyPic

A rosa do teu coração ilumina o meu quarto
Com a última pérola de esperança.

Como eu, desprotegidas sob o céu de novembro,
As árvores perdem as suas roupas,
Lançando na relva o grande lenço de âmbar
Que elas tricotam ponto por ponto.


A rosa do teu coração ilumina o meu quarto
Com a última pérola de esperança.


Nos seus misteriosos recantos,
Arrancando os cabelos, as flores voltaram.
Sabe-se lá se voltarei a vê-las?
Inquieta, vejo a sua fuga.


A rosa do teu coração ilumina o meu quarto
Com a última pérola de esperança.


Com os braços molhados de chuva, um frescor destroça
O que restava do nosso amor;
E até o leito, gélido, indolor,
Promete austeras provas.


A rosa do teu coração ilumina o meu quarto
Com a última pérola de esperança.


Mas ontem à noite, eu mesma vi,
Iluminar-se no jardim, com repentina bonança,
E levantar-se com raiz do chão
Uma rosa de outono, com cor da esperança.


A rosa do teu coração ilumina o meu quarto
Com a última pérola de esperança.

@ Renata Cordeiro
Image and video hosting by TinyPic


domingo, 24 de outubro de 2010

É FECHAR OS OLHOS E VER-TE...




É FECHAR OS OLHOS E VER-TE...



É fechar os olhos e ver-te,


é pensar em ti e poder ouvir-te,


é poder tocar-te, é abraçar-te,


sentir teu cheiro mesmo sem estares aqui...


É ouvir num eco suave o som das tuas palavras,


é olhar para o infinito e ver teus olhos fixos olhando para mim...


Sentir-te é não precisar pedir para fazer o que quero sentir,


é não precisar pedir pra dizer o que quero ouvir


mesmo sem encontrar palavras...


Sentir-te é um sentimento que não dá para tirar conclusões


ou inventar palavras para expressar ...


Entre todas as coisas,


é poder explicar o que não tem explicação,


é um sentimento bom e ruim ao mesmo tempo...


Amor.       


@ Renata Cordeiro







sábado, 23 de outubro de 2010

EU VEJO VOCÊ O TEMPO TODO



EU VEJO VOCÊ O TEMPO TODO


Eu vi você em vários carros no trânsito. Atravessando a rua. Também dentro das lojas, eu vi você conversando com as pessoas.


Tinha flores nas mãos, andava só na praia, riaaaaaaaa


Eu vi você no ônibus que passou, namorando.


Eu vejo você em muitos lugares. Vejo muito.


Mas na real não é você. É só a minha vontade de ver.


Minha imaginação. Desejo.


Cada um vê o que quer.

@ Renata Cordeiro








quinta-feira, 21 de outubro de 2010

FANATISMO...


FANATISMO...

Sou transportada para um céu azul
Sempre que em ti me encontro
Palavras doces e beijos ternos
Elevam-se ao céu do teu amor!
Momentos sublimes em que te amo incondicionalmente!
As tuas mãos percorrem o meu corpo
Numa suave carícia, como nuvem
soprada por leve brisa!
Respiro na tua boca o perfume de mil flores
Que me inebriam os sentidos.
O toque delicado e sensual da tua língua
São como plumas de asas angelicais!
Os murmúrios e gemidos são como harpas e músicas  celestiais!
No momento supremo do clímax,
Trombetas anunciam a nossa paixão.

@ Renata Cordeiro





Image and video hosting by TinyPic



quarta-feira, 20 de outubro de 2010

DEPOIS DE TANTAS...


DEPOIS DE TANTAS...




Depois de tantas andanças e ciganice,

enraizei-me em ti,
com desejos desconhecidos.

Sou uma incorrigível poeta 
e dou evasão aos sonhos.

A tua fisionomia está definitivamente nos meus pensamentos 
e nas visões da noite.

Vivo buscando e inventando imagens de nós dois,

tentando sossegar as minhas mãos

ansiosas pelo toque da tua pele ,

querendo beijar mansamente o teu lindo par de olhos,

o teu sorriso criança,
nos lábios de sabor inconfundível que me enloquecem.

 In.quieta.

@ Renata Cordeiro