sexta-feira, 25 de abril de 2014

TUA...



TUA...


Tua... antes da chuva, depois do medo, antes do sol, depois do segredo, antes da metamorfose, depois de qualquer dúvida. Tua...incondicionalmente tua... antes da tarde, depois da lembrança, antes da morte, depois do sossego, antes da mágoa, depois da rebeldia. Tua... inexplicavelmente tua... antes da desesperança, depois da solidão, antes da covardia, depois da certeza, antes do silêncio, depois de todos os nãos. Tua... irremediavelmente tua... antes da desistência, depois de provar todos os vinhos, antes da ironia, depois do disfarce, antes de esgotar o limite, depois de tanta procura. Tua... enquanto o amor perdura.

@ Renata Cordeiro

SONETO DE FIDELIDADE

De tudo ao meu amor serei atento
Antes, e com tal zelo, e sempre, e tanto
Que mesmo em face do maior encanto
Dele se encante mais meu pensamento.

Quero vivê-lo em cada vão momento
E em seu louvor hei de espalhar meu canto
E rir meu riso e derramar meu pranto
Ao seu pesar ou seu contentamento

E assim, quando mais tarde me procure
Quem sabe a morte, angústia de quem vive
Quem sabe a solidão, fim de quem ama

Eu possa me dizer do amor (que tive):
Que não seja imortal, posto que é chama
Mas que seja infinito enquanto dure.


Vinicius de Moraes


7 comentários:

Daniel Costa disse...

Querida Renata

Achei uma grande peça o TUA. É difícil te exceder. Li e reli, tentando absorver.
Confesso que sempre te admirei.
Em relação ao soneto de Vinício de Morais, digo tudo, se disser que sou grande admirador da sua poesia.
Beijos

Blue disse...

Linda poesia e feliz naquele que inspirou você!

Beijo

Jorge disse...

Este poema é lindo demais...

Nilson Barcelli disse...

Minha querida amiga, o teu texto é brilhante. Gostei imenso das tuas palavras. Parabéns pelo teu talento para as letras.
Um beijo.

Bandys disse...

Oi Renata,

Uma entrega total de corpo e alma.

Lindissimo! Como tudo que tocas.(adoro seus bons dias boas noite)

Eu não sei o que pode estar atrapalhando, o blogue não esta pesado... tirei musica e qalgumas figuras. Acho que as vezes é do provedor mesmo.

Mas insista pois adoro te ver la.

Beijos e bom final de semana!

Celina disse...

Oi Renata muita Paz para vc , vim agradecer o comentário gentil , minha querida, as poesias são lindas. um abraço fraterno, Celina

wcastanheira disse...

Tua... inexplicavelmente tua...Lindo imensuravelmente belo, gostei do seu jeitinho de ser, tua, suave, sensual, todinha, inteira, gosto do sentimento assim, por completo e a escolha final deu um showwww, Vinicius foi ,é e acho q imortalmente será, ´o cara, pra vc dxo beijinhos e beijinhossssssssssssss