segunda-feira, 18 de abril de 2016

NÃO ME PEÇA DEFINIÇÃO



NÃO ME PEÇA DEFINIÇÃO

Não me peça definição
se branco ou preto
que eu fico com o arco-íris
se quero ou não
que eu venho com um talvez
Minha única certeza
é que tenho dúvidas às dúzias
dos tempos prefiro o indefinido
e dos pontos o de interrogação.
Você dirá que sou do contra
e que faço tudo de pirraça...
posso até concordar
de tanto que detesto
discussão e bate-boca.
Nosso caminho está cheio de escolhas, é certo
e quem for esperto acha logo a saída do labirinto
mas como em outra encarnação
devo ter sido um monge tibetano
não acredito muito em livre-arbítrio
e na capacidade de mudar o mundo.
Quantas vezes não desviaram o curso dos rios
e veja só no desastre que deu..
.No auge da confusão
fico esperando que os rolos mais cabeludos
se resolvam por si
obedecendo a não sei que lei – provavelmente à do acaso,
 do caos ou então à anti-lei de murphy
Em matéria de esperar
como mulher nasci esperando
e se o sinônimo de paciência é Jó
aposto que houve alguma Jóana
que ganhava dele de longe mas
nem a Bíblia nem os historiadores registraram
Que lapso! Estou vendo o dia
em que acabarei como vovó
na cadeira de balanço
enrolada num xale
olhando tranquila a bagunça em volta
como quem nada quer
esperando mais uns séculos
pelo dia em que um homem – enfim – entenda uma mulher!


4 comentários:

Jorge disse...

Todos temos duvidas e não raramente nos enganamos.
Beijinho doce e parabéns pelo poema, está fantástico!

<3

Bell disse...

As vezes difícil escolher.


bjokas =)

Felisberto N. Junior disse...

Olá,Renata...ficou belo ...muitos homens pensam que a mulher é um ser complicado, que não é possível entendê -la, mas , penso eu, é difícil entender o ser humano,em geral...e por um único motivo: como entender alguém, se nem ao menos conseguimos entender a nós mesmos. Agora, tudo na vida é uma questão de escolha... nosso íntimo alterna todos os dias, entre erros e acertos, alegrias e tristezas, certo ou errado, perdas e ganhos, encontros e despedidas, preto e branco... e a dúvida ou uma terceira opção também é uma escolha ... cabe a cada um encontrar e aproveitar as oportunidades enquanto elas ainda estiverem disponíveis e à escolher , pois isso irá modelar e alterar a realidade nossa e com quem convivemos.
Obrigado pelo carinho, belos dias,beijos!

Daniel Costa disse...

Querida Renata
Será difícil entender a mulher dizem, mas será assim?
É que entende sempre de poesia, porque esta pressupõe amor. Então tentemos enveredar pelos caminhos de amor poético / compreensivo.
beijos